Search
Close this search box.

Salazar e Rafinha se recuperam e vão reforçar o América no Ceará

O América se prepara para enfrentar o Atlético-CE, na cidade de Horizonte, numa partida em que pode selar a classificação para segunda fase da Série D. Uma vitória simples já será suficiente para garantir a equipe de Marquinhos Santos na disputa do primeiro mata-mata. Para este confronto, dois atletas que estavam em tratamento médico: o zagueiro Salazar e o atacante Rafinha voltaram a treinar com o grupo e vão reforçar o elenco na próxima rodada.

Caso deixe o Ceará com mais três pontos na bagagem, o clube potiguar não terá mais como ser alcançado pelo Atlético-CE, que poderá chegar no máximo a 20 pontos e terá de disputar a última vaga do grupo A-3, contra o Sousa, que neste caso, independente do resultado que obtiver diante do Treze, na próxima rodada, vai brigar com os cearenses pela vaga até o final.

A questão preocupante é que o América ainda não conseguiu emplacar nenhuma vitória na condição de visitante. A campanha da equipe é tão irrisória fora de Natal que, se fosse computado apenas os pontos disputados na casa dos adversários, a equipe estaria na sexta colocação, atrás até do Potiguar que em seis jogos possui 1 vitória, 1 empate e 4 derrotas. Já os natalenses possuem 4 empates e 2 derrotas.

O comandante americano já deixou bastante claro o desconforto com a situação, porque entende que o investimento realizado na formação do grupo foi alto e que existe muita qualidade entre os atletas para superar esse problema. “Um time como o América não pode se sentir satisfeito ou achar que é normal não vencer fora de casa”, ressaltou num tom de cobrança aos atletas. “Estamos nos preparando mentalmente, voltando a crescer e a reorganizar a casa. Isso para que, no momento certo, a gente possa vencer”, afirmou, Marquinhos que até aqui apresenta um aproveitamento de 22% como visitante.

Tribuna do Norte

Espaço Flor de Lotus