Search
Close this search box.

PT desconversa, mas segue apoiando Haddad na sucessão de Lula

A fritação pública do ministro da Fazenda, Fernando Haddad, não altera os planos do PT para a sucessão de Lula. Segundo dirigentes do partido, Haddad segue sendo o sucessor natural do presidente da República. A dúvida é se para 2026 ou 2030.

Esses dirigentes dizem que a questão da sucessão ainda não é conversada no partido, que tem no horizonte a reeleição de Lula. Para o Partido dos Trabalhadores, Lula chegará inteiro às eleições de 2026, aos 81 anos.

E se depender de Lula, o sucessor será realmente Haddad. Mesmo com o quiproquó desta última semana, em que os dois disseram coisas diferentes sobre a meta fiscal de 2024, o presidente tem muita confiança em seu ministro da Fazenda.

Entretanto, os petistas temem que Haddad não tenha força política para competir contra Jair Bolsonaro (PL), se este for candidato em 2030 ou não estiver preso. O caminho para tornar Haddad mais forte antes da próxima década, é torná-lo presidente antes. Mas isso só Lula decidirá.

Metrópoles

Seridó Cadeiras