Search
Close this search box.

Influenciadora de 33 anos morre após fazer procedimento estético par aumentar os glúteos

A influenciadora digital Aline Maria Fernanda, de 33 anos, morreu após fazer procedimento estético par aumentar os glúteos. O caso aconteceu no Distrito Federal (DF). Ela morreu na terça (2).

Segundo a polícia, Aline foi submetida ao procedimento no dia 23 de junho, em uma clínica de Goiânia. No dia seguinte, ela teve febre, mas a clínica teria informando que era “normal” e que deveria tomar remédio para abaixar a temperatura. Dois dias depois, a mulher sentiu dores na barriga. Ela piorou e desmaiou.

Aline foi internada em um hospital de Brasília e ainda foi transferida para outro, mas não resistiu.

Segundo o marido da vítima, a influenciadora recebeu uma aplicação de polimetilmetacrilato (PMMA) em cada glúteo durante o procedimento a qual foi submetida. Essa substância é usada em preenchimentos estéticos faciais e corporais, como no aumento de glúteos. Mas a composição do PMMA pode causar reações inflamatórias.

A dona da clínica onde Aline fez o preenchimento negou que tenha aplicado PMMA e disse que usou um “bioestimulador”. Ela foi presa pela Polícia Civil de Goiás suspeita de crimes contra as relações de consumo. A PCGO deve dar mais informações nesta quinta (4).

Aline Ferreira deixa dois filhos e era casada desde 2021. Amigos e familiares lamentaram sua morte nas redes sociais e questionam as circunstâncias que levaram ao trágico desfecho.

O Tempo/180 Graus

   

Seridó Cadeiras