Search
Close this search box.

Governo Federal vê evolução na segurança do RN: “não há razão para Forças Armadas no RN”

O Secretário Nacional de Segurança Pública, Tadeu Alencar, chegou a Natal nesta sexta-feira (17) para acompanhar as ações que estão sendo tomadas no combate à onda de ataques criminosos ocorridos no Rio Grande do Norte desde a última terça-feira (14). Em entrevista concedida a Globo, Alencar chegou a elogiar as ações da segurança pública no RN e afirmou que não há porque utilizar Forças Armadas no momento no Estado.

“Estamos sendo aqui solidários, mas também encorpando esse movimento das forças de segurança do estado para restaurar a tranquilidade aqui no estado. É claro que estamos diante de um enfrentamento, mas vamos empenhar nesse enfrentamento toda a energia pra que a gente possa restaurar plenamente os serviços públicos e a tranquilidade do povo dessa terra”, declarou.

O pedido de envio das Forças Armadas, por meio da GLO, foi feito pelo Senado Federal, após requerimento apresentado pelo senador Styvenson Valentim. No entanto, pelo menos por enquanto, Tadeu Alencar afirmou não vê necessidade, visto que as forças de segurança locais estão respondendo.

“No meu entendimento, no momento que a gente tem visto desde a terça-feira, é que, de forma progressiva, nós estamos evoluindo no enfrentamento dessa situação. Nesse momento não vejo razão pra instauração de uma GLO (Garantia da Lei e da Ordem). Acho que isso é um mecanismo constitucional que está à disposição do ordenamento jurídico brasileiro e, quando necessário, e se necessário, eventualmente pode ser utilizado. Não me parece ser o caso aqui do Rio Grande do Norte”, afirmou.

Segundo o secretário, o RN recebeu o reforço de 300 agentes de segurança, e mais 200 policiais rodoviários federais devem ser integrados nas próximas horas. Questionado sobre quando a situação estará sob controle no estado, Tadeu não soube precisar.

Portal da 96 FM

Limpa Mil