Search
Close this search box.

Fugitivos de penitenciária no complexo de Alcaçuz são recapturados em Natal

Fugitivos de penitenciária no complexo de Alcaçuz foram recapturados em Natal — Foto: Polícia Civil/Divulgação

A Polícia Civil recapturou, em Natal, os dois apenados que fugiram da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta, na região metropolitana, no dia 30 de abril.

As prisões ocorreram na noite desta terça-feira (21) na Comunidade do Japão, no bairro Quintas, Zona Oeste da capital potiguar. A ação foi comandada pela Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur).

Gustavo da Rocha Dias, 29 anos, e Ricardo Campelo da Silva, de 43 anos, ambos condenados pela Justiça, foram localizados com duas armas de fogo, além de munições e celulares, mais de 20 dias após a fuga. Uma mulher, de 25 anos, também foi presa por furto.

LEIA MAIS

Os foragidos foram autuados pelo crime de posse ilegal de arma de fogo e encaminhados ao sistema prisional. Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), a dupla voltará para a penitenciária de onde fugiu.

Na última segunda-feira (18), o comando do 10º Batalhão da PM, havia informado que um dos suspeitos tinha sido visto em Assu, na região Oeste do estado, no último domingo (19). Ainda de acordo com a PM, Gustavo teria deixado 14 celulares para trás na fuga ao cerco.

Na ocasião, a Seap não confirmou que o suspeito visto em Assu se tratava do fugitivo e disse que não comentava diligências ou investigação em andamento.

📳Participe do canal do g1 RN no WhatsApp

Os dois presos fugiram da Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, no dia 30 de abril.

Os fugitivos eram internos “qualificados para serviços”, como são chamados os “presos de confiança”, que realizam trabalhos dentro da penitenciária.

Segundo o secretário de Administração Penitenciária (Seap), Helton Edi Xavir, os dois estavam trabalhando em uma obra no presídio.

O comandante da Polícia Militar do RN, Coronel Alarico Azevedo, disse que os presos utilizaram uma bicicleta após fugirem da unidade prisional. Um vídeo gravado por câmeras de segurança, mostra os presos no meio de transporte.

Uma moradora da região próxima à penitenciária, na comunidade de Alcaçuz, confirmou que teve uma bicicleta furtada na casa por volta das 12h. A bicicleta foi abandonada em uma área de mata.

A presidente do Sindicato dos Policiais Penais do RN, Vilma Batista, disse que no momento da fuga os presos estavam dentro da oficina. “O oficial foi fazer outro serviço e deixou eles dentro da oficina. Tinham todo o aparato”, disse.

“Eles serraram o cadeado da cela, entraram na guarita, e serraram o cadeado da guarita. E já estavam fora da unidade. Conseguiram adentrar na vila [comunidade de Alcaçuz] e conseguiram uma bicicleta”, completou.

De acordo com a Seap, os dois fugitivos foram vistos juntos no dia 1º de maio em uma casa de praia em Cotovelo, em Parnamirim, na Grande Natal.

g1 RN

Seridó Cadeiras