Ucrânia diz que afundou navio de guerra da Rússia na costa da Crimeia

A inteligência militar da Ucrânia afirma que afundou um navio de guerra russo na costa da Crimeia durante a noite desta quinta-feira (1°), no mais recente ataque à Frota Russa do Mar Negro. Horas antes, o Exército ucraniano teria feito um ataque “massivo” com mísseis na península.

O navio russo “Ivanovets”, que possuiria mísseis guiados, sofreu vários impactos no casco antes de afundar no porto do Lago Donuzlav, o lago mais profundo da Crimeia, disse a inteligência da Ucrânia.

Imagens fornecidas pela Ucrânia mostram drones navais em direção ao navio antes de explodirem com o impacto, causando danos significativos ao navio.

Leia mais

Análise: morte de militares arrasta de vez os EUA para guerra no Oriente Médio

As mortes confirmadas de três militares americanos em um ataque com drones a uma base militar na fronteira entre a Jordânia e a Síria vão arrastar de vez os Estados Unidos para um envolvimento mais direto na guerra no Oriente Médio.

O presidente Joe Biden disse que as Forças Armadas ainda estavam investigando os detalhes do ataque, que também deixou cerca de 30 feridos, mas já responsabiliza diretamente milícias financiadas e armadas pelo Irã que atuam na Síria e no Iraque.

Esta foi a primeira vez que soldados americanos foram mortos em ataques diretos contra suas bases no Oriente Médio desde o início da guerra entre o Hamas e Israel, em 7 de outubro.

Leia mais

EUA estimam que Israel eliminou até 30% dos membros do Hamas

Foto: Forças de Defesa de Israel

As agências de inteligência dos Estados Unidos estimam que as forças de segurança israelenses eliminaram apenas entre 20 a 30% dos terroristas do Hamas na Faixa de Gaza.

De acordo com o Wall Street Journal, os EUA acreditam que o grupo terrorista ainda tem munições suficientes para continuar a combater as forças israelenses durante vários meses.

Leia mais