Search
Close this search box.

América tem nova decisão contra o Santa Cruz de Natal

Mais uma vez na temporada, América e Santa Cruz estarão frente a frente para disputar mais um jogo decisivo. Nos quatro confrontos anteriores foram registrados dois empates e uma vitória para cada lado, o que indica bem o clima que será encontrado neste domingo, na Arena das Dunas, onde a bola vai começar a rolar às 18h. No lado americano, o treinador Marquinho Santos terá ao menos uma baixa certa de Gabriel Davis, que voltou a sentir a contusão e terá de passar mais um tempo em tratamento.

O comandante alvirrubro não gostou do desempenho da equipe contra o Potiguar e alertou que o problema não pode se repetir diante do Santa Cruz, que vai entrar em campo disposto a partir para o tudo ou nada e pode complicar a vida americana.

“Na verdade, jogamos abaixo, tecnicamente, daquilo que sabemos que temos condições de jogar. E tinha muita gente abaixo do rendimento normal e isso comprometeu. Mas não deixamos de buscar a vitória, não deixamos de ter entrega. É hora agora de pensar no Santa Cruz, para que se possa afunilar a competição. Tínhamos a oportunidade de dar um salto, não vencemos, somamos um ponto, e vamos pensar no próximo adversário em casa, onde temos de buscar a vitória. Mas sabemos que enfrentar o Santa Cruz é sempre muito perigoso”, afirmou o técnico.

O adversário americano vem de uma forte oscilação dentro do grupo A-3, ele teve um início ruim com duas derrotas, se recuperou conquistando quatro vitórias consecutivas, quando chegou a passar algumas rodadas na vice-liderança, mas depois entrou de novo em rota de queda e já não vence há cinco partidas, onde acumulou quatro derrotas e um empate.

A equipe do treinador João Paulo, sabe que a três rodadas do fim, essa partida se torna a última tentativa de inverter a tendência de queda e voltar a vencer atrás dos pontos necessários para brigar por uma vaga na segunda fase. A defesa é uma das mais vazadas no grupo, ao lado do Maracanã e do Potiguar, todas com 17 gols sofridos.

Apesar de todas as fragilidades, o Santa Cruz ainda é olhado com respeito no lado alvirrubro. Marquinhos sabe que da mesma forma que entrou em uma nova fase de baixa, a equipe pode se recuperar a qualquer momento e para conquistar uma reviravolta, para o adversário nada melhor que buscar uma vitória sobre um adversário como o América, que teria o poder de remotivar o grupo tricolor.

“O Santa Cruz possui uma equipe muito boa, nos venceu no primeiro encontro pela Série D, sabemos da qualidade do João Paulo, que faz um excelente trabalho e possui bons jogadores. Mas sabemos que não tem outra saída a não ser vencer essa partida para evitar novas complicações. Pela qualidade e o investimento que foi realizado neste time, temos de buscar a nossa classificação na melhor colocação possível. Temos de encarar o momento, sermos realistas, colocar a cara a tapa e procurar jogar futebol”, ressalta Marquinhos Santos.

Depois do confronto contra o Santa Cruz, o Alvirrubro terá de enfrentar o Atlético-CE, que também teve uma recuperação forte na competição. O que preocupa é que além de não ter vencido como visitante, a equipe ainda não conseguiu emplacar duas vitórias consecutivas na Série D. Com isso, Marquinhos aposta todas as suas fichas nas vitórias na Arena das Dunas para não se complicar nesse curto caminho rumo à segunda fase.

Tribuna do Norte

Supermercado Recreio