Search
Close this search box.

90% de pilotos e comissários já pegaram no sono em função da fadiga

Aproximadamente 90% dos comandantes, copilotos e comissários de bordo já dormiram de forma involuntária durante o período de trabalho em companhias aéreas.

Cerca de 58% alegam que o sono durou poucos segundos, enquanto 32% respondem que chegaram a dormir por alguns minutos durante os voos. O levantamento foi realizado pelo Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA).

A principal razão pelo descuido seria o excesso de trabalho dos tripulantes depois do período de pandemia. A pesquisa foi realizada com mais de 4 mil tripulantes e identificou também que 87% dos aeronautas se sentem mais fadigados hoje do que em 2019.

Radar Econômico – VEJA

Construções Recreio