Potigás assina novos contratos com a Petrobras

Companhia Potiguar de Gás (Potigás). Foto: Reprodução.

A Companhia Potiguar de Gás (Potigás) assinou, na manhã desta terça-feira 31, novos contratos de aquisição de gás natural com a Petrobras. Os contratos, de cerca de R$ 536 milhões, têm validade até o final de 2034, em um volume de 100 mil metros cúbicos a partir do próximo ano e mais 20 mil a partir de 2026. Os contratos são para atendimento do mercado cativo da distribuidora e reforça a parceria comercial entre as empresas.

“A Potigás tem trabalhado com um portifólio de supridores, o que nos possibilita ter competitividade no preço de aquisição da molécula. Ter um contrato com a Petrobras, sobretudo um contrato de longo prazo como o que assinamos, é ter segurança para o nosso portifólio e estabilidade dos nossos preços”, explica Marina Melo, diretora-presidente da distribuidora.

Para a presidente, a atenção que a Petrobras tem dado ao mercado de suprimento de gás natural do Brasil é muito importante, participando das chamadas públicas dentro de uma proporcionalidade de volume.

Leia mais

Potigás faz 30 anos e projeta expansão

A Companhia Potiguar de Gás (Potigás), uma das principais indutoras do desenvolvimento econômico do Rio Grande do Norte, vai dobrar a sua capacidade de investimentos para os próximos três anos. Em média, serão investidos cerca de R$ 50 milhões de recursos próprios, dos quais R$ 26 milhões serão direcionados à expansão do gasoduto que sai de Mossoró, dentro do projeto Polo Gás Sal. Ao todo, a empresa já está presente em seis municípios do Estado fornecendo infraestrutura para distribuição de gás canalizado. No ano em que completa 30 anos de história, sua projeção é chegar ao município de Areia Branca.

Fundada em novembro de 1993, através da Lei Estadual nº 6502/1993, a Potigás hoje está presente nas cidades de Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Macaíba, Goianinha e Mossoró. Apenas no mês de setembro, a empresa alcançou o número de 40.652 clientes do setor residencial, sendo 35.547 distribuídos na Grande Natal e 5.105 de Mossoró. No eixo comercial, incluindo os dados de ambas regiões, foram 889 clientes atendidos. Reunindo os dados de outros setores, a soma chega a 41.635.

Para a presidente da Potigás, Marina Melo, o gás fomenta o desenvolvimento econômico na medida em que atrai mais indústrias e comércios. Dessa forma, além de chegar nas cidades, a empresa precisa trabalhar na ramificação da rede local para atender novos clientes. Ao todo, a companhia contempla quatro segmentos: comércio, residência, indústria e veículo. No caso deste último, a empresa detém o maior mercado potiguar, mas a maior parte dos clientes estão no setor residencial com os condomínios verticais.

Leia mais

Potigás prorroga prazo de inscrições para patrocínios de projetos socioculturais

A Companhia Potiguar de Gás divulgou nesta segunda-feira (16) a prorrogação do prazo de inscrições para o “Edital Natural Como Fazer o Bem 2023/2024”, concederá apoio financeiro a projetos culturais selecionados. Os interessados têm até às 18h do dia 23 de outubro para enviar os projetos pelo site da Potigás.

O edital irá selecionar projetos incentivados pela Lei Estadual 7.799 (Lei Estadual de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo) e pelo Decreto Estadual 30.901 (Programa de Incentivo RN+ Esporte e Lazer Professor Sebastião Cunha), além de projetos sem enquadramento nas leis, com valor de até R$ 10 mil.

Leia mais