Search
Close this search box.

Entenda como será a obra de engorda da praia de Ponta Negra, em Natal

Praia de Ponta Negra, Natal, Rio Grande do Norte — Foto: Fernanda Zauli/g1

O início da obra de engorda da praia de Ponta Negra, em Natal, depende da emissão da licença de instalação e operação que foi solicitada pelo município ao Idema no dia 12 de junho. O Idema tem o prazo de 120 dias para emitir a liberação.

A DTA Engenharia – empresa que integra o consórcio contratado pela prefeitura de Natal a R$ 73 milhões para execução do serviço – estima que a obra, após iniciada, seja concluída em 5 meses.

A previsão é de que a faixa de areia da praia fique com até 100 metros, na maré baixa. Segundo João Acácio Gomes de Oliveira Neto, fundador e presidente da DTA Engenharia, a população poderá perceber as mudanças já nos primeiros dias de obra.

LEIA TAMBÉM

“A elevação do nível do mar é real. A maré alta de hoje é mais acima do que a maré alta do passado, o que causa a erosão. Boa parte da costa do Brasil sofre esse processo. Então a areia originalmente conformava aquela praia é carreada para o mar. O que a gente está fazendo é restituindo à praia as condições originais da natureza, dado que o mar está sofrendo essa elevação. Não se trata de engordar, mas de restaurar, restituir as condições originais”, defende João Acácio.

g1 RN

Seridó Cadeiras