Search
Close this search box.

Atacante do América-RN pede desculpas após comemoração gerar polêmica

Gustavo Henrique se virou para a torcida do América-RN e fez gesto que gerou mal-entendido — Foto: Reprodução/TV FNF

O atacante Gustavo Henrique voltou a balançar as redes após quase dois meses e ajudou o América-RN a vencer o Santa Cruz de Natal por 2 a 0, no domingo. O que chamou a atenção e gerou polêmica, porém, foi a comemoração do camisa 29, que precisou se desculpar com os torcedores após a partida (veja abaixo).

Depois do gol, ele se virou em direção ao setor da Arena das Dunas onde estava concentrada a maioria dos torcedores rubros e fez o gesto com a mão na boca, como se pedisse silêncio. Em seguida, em novo gesto, pediu calma. Só, então, o centroavante se dirigiu para o outro lado e também fez um “coraçãozinho” com as mãos, além de abraçar os companheiros de equipe.

Muitos torcedores não gostaram da atitude do atacante e consideram o gesto desrespeitoso. Nas redes sociais, alguns chegaram a pedir punição e até mesmo a saída do jogador.

Gustavo Henrique não fazia um gol desde o dia 11 de maio – na derrota por 3 a 2 para o próprio Santa Cruz, na terceira rodada da Série D. O jejum incômodo e as atuações ruins do atacante renderam muitas críticas neste período de quase dois meses.

Após a partida de domingo, GH chegou a fazer um pronunciamento à imprensa no auditório da Arena das Dunas, na tentativa de justificar a comemoração. O atacante também publicou nota em uma rede social para “expressar sinceras desculpas à toda a nação americana”. Ele apontou “mal-entendido”, mas admitiu o erro.

Após meu gol marcado hoje, eu fiz um gesto de “silêncio”, o que acabou gerando um mal-entendido na torcida, pois não foi feito na intenção que está sendo veiculada, pelo contrário.

Levo muito comigo a frase “trabalhando em silêncio” há anos, e fiz este gesto apenas nesse sentido e intenção.

Em nenhum momento e hipótese alguma eu quis mandar a torcida do clube que eu defendo ficar em “silêncio“, não tenho motivos para fazer isso, não tem sentido. Tenham certeza que de minha parte isso jamais iria acontecer!

Nosso objetivo e foco principal é o acesso e todos nós sabemos a importância da nossa torcida nos apoiando os 90 minutos, como vocês sempre fazem!

Errar é humano e eu errei! Isso é indiscutível! Não pensei que meu gesto estaria aberto a várias interpretações, esse foi meu erro. Espero que vocês possam me perdoar. Estarei comprometido em trabalhar e buscar o melhor, defendendo e lutando pelo Mecão em todos os jogos, tenham certeza disso!

Sou grato por vestir a camisa deste clube, é uma honra jogar pelo Mecão.

Vamos juntos em busca do acesso!

g1 RN

Supermercado Recreio